Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
Caracterização do perfil nutricional de adultos doadores de sangue na cidade de Limoeiro do Norte-CE.
Priscila Vidal de Freitas, Daniele Holanda Diógenes, Celso Lourenço de Arruda Neto, Sara Jordane Cunha e Silva, Jânia Maria Augusta da Silva, Juliana Zani de Almeida

Última alteração: 2012-10-16

Resumo


A fase adulta pode ser considerada uma das fases mais importantes na vida de um indivíduo, pois representa a sua fase mais ativa e de maior produção individual. Em estudos realizados no Brasil, observou-se o aumento da prevalência de obesidade em adultos. Uma das maneiras de determinação do estado nutricional de uma população é através do cálculo do Índice de Massa Corporal – IMC, um método rápido e de baixo custo. Estudos que caracterizem o perfil nutricional de populações são importantes a fim de detectar precocemente doenças crônicas e co-morbidades, possibilitando assim intervenções adequadas. O presente estudo teve por objetivo caracterizar o perfil nutricional de um grupo de adultos participantes de uma atividade de doação de sangue na cidade de Limoeiro do Norte-CE. Foram coletados dados de sexo, idade, peso e altura de 40 adultos. Para classificar o estado nutricional foi utilizado o cálculo do Índice de Massa Corporal. Os resultados mostraram uma elevada incidência de sobrepeso e obesidade na amostra estudada, maior ainda, entre os homens. Foi observado 81,48% de excesso de peso em homens e 53,85% em mulheres. Em comparação com estudos recentes, os resultados encontrados confirmam que existe maior incidência de sobrepeso em populações masculinas. Este achado pode ser explicado pela transição nutricional que ocorre atualmente em todo mundo, onde se percebe uma modificação nos hábitos alimentares que incorporam a alimentação alimentos ricos em energia e pobres em nutrientes e a baixa prática de atividades físicas.


Texto completo: PDF