Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
Caracterização de propriedades leiteiras no município de Xapuri, Acre
Fabiano Silveira Paiva, Williane Maria de Oliveira Martins

Última alteração: 2012-08-28

Resumo


O objetivo deste estudo foi caracterizar as propriedades leiteiras do município de Xapuri de acordo com as práticas de manejo, nutrição, sanidade e infra-estrutura. Foram realizadas 47 visitas com aplicação de questionários semi-estruturados. Com relação à infra-estrutura, 43% dos produtores possuíam curral coberto, 22% apresentavam instalações com sala de ordenha, 19% tinham curral calçado e 73% das propriedades possuíam cocho dentro das instalações. Apenas 15% das propriedades adotavam a ordenha mecânica, sendo a ordenha higiênica pouco praticada entre os produtores: 71% dos entrevistados lavavam as mãos antes da ordenha; 53% e 19% lavavam as tetas dos animais antes e depois da ordenha, respectivamente; e 97% dos produtores coavam o leite antes de despejar no latão. Em relação à adoção de tecnologias, 15% das propriedades realizavam a inseminação artificial, 36% adotavam o uso de cercas elétricas, 12% forneciam cana-de-açúcar e 67% sal mineral no período seco. Apesar de 96% vacinarem seus animais contra febre aftosa, apenas 62% vacinavam contra carbúnculo sintomático, 75% vacinavam contra brucelose, 80% contra raiva. Concluiu-se que a maioria dos produtores de leite entrevistada, dispõe de infra-estrutura precária para produção de leite, não realiza a ordenha higiênica do leite e apresentando um baixo nível tecnológico.


Texto completo: PDF