Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
Estudo Fitoquímico e avaliação da atividade antibacteriana de Phyllanthus Niruri (Quebra - Pedra) em Escherichia coli.
Bruno Eliakim Dias Dias Oliveira, JESSICA FURTADO PEREIRA, Hedmylda Duarte de Melo de Melo, Leandro Abreu Alves, VITOR PRATES LORENZO

Última alteração: 2012-10-16

Resumo


As plantas medicinais são todas aquelas que possuem propriedades bioativas que ajudam no tratamento de doenças devido ao seu princípio ativo. A Phyllanthus niruri tem sido amplamente utilizada na medicina popular, principalmente sob a forma de extrato aquoso (chá). O presente trabalho tem como objetivo realizar o estudo da atividade antibacteriana de Phyllanthus niruri frente a E. coli. Para tanto, após a extração do substrato e particionamento, foram realizados teste com as fases ciclohexano e diclorometano para inibição da atividade bacteriana. Os resultados mostram que a fase ciclohexano não demonstra qualquer atividade, em contra partida a fase diclorometano já apresenta halo de inibição. Embora esta planta não apresente efeito satisfatório em umas das fases testadas não podemos considerar que seja totalmente inerte à bactéria ficando assim a proposta para estudos posteriores sobre a mesma.

Texto completo: PDF