Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
A Hidrelétrica de Xingó e seus Efeitos sobre o Meio Ambiente e a Sociedade: Um Olhar sobre os Impactos e a Compensação Financeira
Wilker Victor da Silva Azevêdo, Pamella Christhine Lins de Sá

Última alteração: 2012-07-25

Resumo


Assim como diversos empreendimentos de grande complexidade, a implantação de uma hidrelétrica requer a realização de estudos detalhados para a condução de análises de viabilidade, identificação de cenários negativos e positivos provocados no local e abrangência da área de influência. Os impactos são de natureza direta ou indireta e, neste âmbito, é necessário mitigar e a compensar financeiramente os danos provocados ao meio ambiente e população. Neste sentido, o trabalho apresenta uma visão sistêmica dos impactos ambientais e das ações decorrentes de compensações socioeconômicas relacionadas à implantação do empreendimento hidrelétrico de Xingó, localizado na região do Baixo São Francisco. Avaliam-se as relações do meio ambiente com os meios natural e social, além de tornar permissível uma visão crítica e integrada de indicadores. Os resultados dos estudos mostram que a compensação financeira é um meio de atenuar os efeitos negativos sobre as regiões atingidas. Ainda, o monitoramento dos fatores bióticos e abióticos é essencial no desempenho e desenvolvimento das atividades da hidrelétrica e na busca pela sustentabilidade.

Texto completo: PDF