Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
AGRICULTURA FAMILIAR NO TOCANTINS: UM ESTUDO DE CASO NO ASSENTAMENTO MARÍLIA EM COLMÉIA
Silas José Lima

Última alteração: 2012-09-06

Resumo


Este artigo tem por objetivo analisar a situação da agricultura familiar no Tocantins, tendo como estudo de caso o assentamento Marília no município de Colméia. A formação do Brasil rural se deu pela valorização da grande produção para a exportação, com a marginalização da agricultura de pequeno porte. No Tocantins, estado recém criado, a formação da agricultura familiar passa pela compra de área por famílias vindas de outro estado e pela distribuição de terras através dos programas de assentamentos. No estado, a agricultura familiar é responsável por mais de 11% do PIB total do estado. Os financiamentos agrícolas através do PRONAF (Programa Nacional de Valorização da Agricultura Familiar), em 2009, para o estado somam mais de 127 milhões de Reais, 14,46% dos financiamentos para o setor agrícola. 


Texto completo: PDF