Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
LEVANTAMENTO FLORÍSTICO DO PARQUE AMBIENTAL POTI I DA CIDADE DE TERESINA - PI
Joécio Santos Sousa, Thiciane Maria Barreto Rodrigues, Amanda Santos Nepomuceno

Última alteração: 2012-08-07

Resumo


Criado pelo Decreto nº 2.642 de 24 de maio de 1994, o Parque Ambiental Poti I está localizado no bairro Cabral da cidade de Teresina, a margem esquerda do rio Poti entre as pontes Juscelino Kubitscheck e a ponte Estaiada Isidoro França. O parque conta com espaços destinados a prática de esportes, tais como Cooper, quadras poliesportivas, praças, equipamentos esportivos e trilhas. Devido à importância das áreas verdes aos ambientes urbanos, o seguinte trabalho buscou listar as espécies arbóreas encontradas em um raio de 300 metros, para conhecer sua quantidade e frequência. Foram identificados 119 indivíduos e um não identificado, totalizando 120 indivíduos arbóreos, distribuídos em 29 espécies, sendo elas: Licania rigida (Oiticica), Licania tomentosa (Oiti), Azadarachta indica (Neem ou Nim), Anadenanthera colubrina (Angico-branco), Leucaena leucocephala (Leucena), Enterolobium contortisiliquum (Tamboril), Astronium fraxinifolium (Gonçalo-Alves), Caesalpinia pluviosa (Coração-de-negro), Tabebuia avellanedae(Ipê-rosa), Tabebuia alba (Ipê-amarelo), Tabebuia roseo-alba (Ipê-branco), Não identificada (Carolina), Acacia podalyriifolia (Acácia-mimosa), Acacia sp (Acácia), Acacia cyanophylla (Acácia-azul), Abarema junpunba (Ingarana), Bambusa sp (Bambu), Anacardium occidentale (Caju), Caesalpinia ferrea (Jucá), Anadenanthera macrocarpa (Angico- preto), Sapium lanceolatum (Burra-leiteira), Terminalia tanibouca (Pau-d’agua), Plumeria rubra (Jasmim manga), Genipa americana (Jenipapo), Couroupita guianense (Abricó-de-macaco), Tamarindus indica (Tamarindo), Parkia multijuga (Faveiro), A. cearensis (Amburana) e Salacia elíptica (Pinho sete-copas).

 


Texto completo: PDF