Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
Aplicação do Índice de Qualidade das Águas (IQA-CETESB) no açude Gavião para determinação futura do Índice de Qualidade das Águas Brutas para fins de Abastecimento Público (IAP)
Jessyca Costa Barros

Última alteração: 2012-08-31

Resumo


A presente pesquisa avaliou preliminarmente a qualidade da água do açude Gavião, localizado na bacia metropolitana no município de Pacatuba/CE, a partir do índice de qualidade das águas (IQA-CETESB). Os resultados obtidos serão utilizados no cálculo do índice de qualidade das águas brutas para fins de abastecimento público – IAP do referido açude (em andamento). As amostras de água foram coletadas no ponto de captação da água bruta para fins de abastecimento público, após sua potabilização. Foram realizadas quatro campanhas nos meses de fevereiro, abril, maio e junho de 2012. Os parâmetros analisados foram: potencial hidrogeniônico (pH), oxigênio dissolvido (OD), demanda bioquímica de oxigênio (DBO5), fósforo total (PT), nitrato, Escherichia coli, turbidez, sólidos totais (ST) e temperatura . Os valores mensais do índice de qualidade das águas (IQA-CETESB) variaram de 81 a 86, enquadrando a qualidade da água do manancial no intervalo de classificação ótima. Entretanto, o fósforo total e a DBO5 apresentaram valores em desacordo com o valor máximo para classe 2 de água doce regulamentados pela  Resolução do CONAMA 357/05.  Dessa forma, constata-se que o IQA-CETESB apesar de ser um instrumento importante de informação ao público em geral, o mesmo pode mascarar (subestimar) o comportamento dos parâmetros que estão envolvidos na sua formulação, tornando essencial uma análise individual de cada um dos parâmetros de qualidade de água envolvidos.


Texto completo: PDF