Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
ESTUDO COMPARATIVO DA VANTAGEM DE UMA TÊMPERA EM ÓLEO DE PALMA SOBRE A TÊMPERA TRADICIONAL EM AÇO AISI 5160.
Tatianne Cristine de Oliveira Nunes

Última alteração: 2012-10-16

Resumo


A partir de um trabalho empírico desenvolvido conjuntamente entre técnicos de empresas implantadas no polo Agroindustrial da cultura da palma e do setor de pesquisa de Engenharia de Materiais do Instituto Federal do Pará – IFPA se utilizou o óleo de palma como meio refrigerante na têmpera em aço 5160. As técnicas para a caracterização de todas as amostras de aço AISI 5160 analisadas foram realizadas nos laboratórios de metalografia e de caracterização de materiais do IFPA e os tratamentos térmicos foram realizados no laboratório de tratamento térmico dos cursos de Engenharia de Materiais e de Metalurgia da instituição. Os resultados de dureza obtidos do óleo de palma não se encontram tão inferior aos na água propiciando uma menor fragilidade no material. A metalografia corroborou com os resultados acima citados, pois a peça temperada em palma apresentou resíduos de perlita fina em meio a uma estrutura bainítica. A aplicação dessa nova técnica traz um efeito ambiental muito positivo, pois o óleo de palma, por ser de origem vegetal, é biodegradável e não compromete o meio ambiente.


Texto completo: PDF