Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
Relato da experiência de observação de graduandos em Psicologia no CRAS II no município de Floriano Piauí
Fernanda Pinto da Silva, Nelson Silva Rodrigues Júnior, Daisy de Oliveira Ribeiro Carvalho, Ana Valéria Borges de Carvalho

Última alteração: 2012-08-28

Resumo


Os Centros de Referencia da Assistência Social – CRAS, são espaços de prestação de serviço publico para famílias em situação de vulnerabilidade social decorrente da pobreza, privação e/ou fragilização de vínculos afetivos – relacionais e de pertencimento social. O trabalho foi estruturado como um relato de experiência vivenciado por acadêmicos de Psicologia durante dois meses de visitas semanais realizadas às terças-feiras do período matutino de 7:40 às 11:30 no Centro de Referência de Assistência Social-CRAS II de Floriano. O CRAS II  é composto por uma equipe multidisciplinar formado por psicólogo, assistente social, brinquedistas além da equipe administrativa (Coordenadora) e serviços gerais, que realizam um trabalho com as crianças, sendo este, o público alvo do CRAS II dessa região no período da manhã. Devido a falta de ambiente arejado e de brinquedos em bom estado de conservação, de recurso didáticos e paradidáticos, como também a indisponibilidade de recursos como transporte, acompanhamento nutricional ou mesmo a falta de informações para a comunidade  sobre os serviços prestados pelo CRAS II resultam na pouca quantidade de crianças ativamente inseridas. Concluindo-se que trata-se de um espaço que funciona como creche nos horários em que os responsáveis estão em atividades laborais, tendo como atividades principais lazer e reforço escolar que ainda são carentes devido à falta de um bom aparato físico,  material de uma estrutura mais organizada.


Texto completo: PDF