Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
Biologia da joaninha Zagreus bimaculosus (Mulsant) (Coleoptera: Coccinellidae) sobre cochonilha do carmim
Rosemary Maria de Castro

Última alteração: 2012-08-27

Resumo


A palma forrageira é uma das mais importantes bases de alimentação para ruminantes durante o período de estiagem no Semiárido nordestino. Um dos principais problemas enfrentados pelos produtores da cultura é a alta incidência da cochonilha do carmim, Dactylopius opuntiae, praga mais importante da cultura. A joaninha predadora Zagreus bimaculosus tem sido, frequentemente, encontrada em áreas infestadas com a cochonilha, o que tem despertado o interesse em utilizá-la no controle dessa praga.  Apesar desta constatação, poucos são os relatos de pesquisa com este inimigo natural. Dessa forma, considerando-se a necessidade de estudos básicos sobre o predador, este trabalho teve como objetivo estudar ciclo biológico de Z. bimaculosus, visando fornecer subsídios para decisões futuras sobre um possível programa de controle biológico da cochonilha na região. O ciclo biológico de Z. bimaculosus foi estudado à temperatura de 25ºC e umidade relativa de 70 %. Ovos de Z. bimaculosus foram  acondicionados em placas de Petri e mantidos na estufa incubadora. Após a eclosão das larvas, foram oferecidos discos de palma forrageira contendo ninfas e colônias da cochonilha. Após a emergência dos adultos, fez-se a sexagem e casais foram individualizados. Foram avaliados parâmetros como duração e viabilidade das fases de desenvolvimento do predador, assim como período de pré-oviposição, fecundidade e longevidade dos adultos. A duração média do ciclo evolutivo foi de 52,3 dias. O período de incubação dos ovos durou, em média, 14,4 dias. Os períodos de larva, pré-pupa e pupa duraram, em média, 28; 2,4 e 8,3 dias, respectivamente. O período médio de pré-oviposição foi de 37,18 dias e as fêmeas apresentaram fecundidade média de 145,4 ovos por fêmea. Os machos apresentaram longevidade média de 93,7 dias e as fêmeas 116,7 dias. Os resultados obtidos no presente trabalho demonstraram adequação da cochonilha exótica D. opuntiae como dieta para Z. bimaculosus.


Texto completo: PDF