Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
A PRÁTICA DO ENSINO E DO ESTAGIO I NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS
Luan Gabriel de Lima Silva, Rogério Nora Lima

Última alteração: 2012-10-16

Resumo


O presente trabalho apresenta resultados de uma experiência vivenciada pelo autor durante o estágio supervisionado I, a experiência consistiu-se do acompanhamento das atividades desenvolvidas no componente curricular do curso de Ciências Biológicas da Universidade Federal do Piauí-UFPI/CAFS, que teve por objetivo relatar a vivência e a importância do estágio na formação do professor de Biologia, além de apresentar novas formas metodológicas de ensino para os alunos da EJA. O estudo foi desenvolvido durante o período de março a junho de 2012, totalizando 75 horas, em uma Escola Municipal da cidade de Floriano – PI, sendo direcionado para a 4ª etapa da EJA. O estágio pôde me aproximar da vida escolar, da estrutura, do funcionamento e de sua organização pedagógica, além de passar a ser objeto de estudo dos próprios alunos e motivo de desconfiança. Fui ao mesmo tempo observador de acertos e de falhas e insegurança em certos momentos. Desenvolvi atividades de interesse dos alunos que proporcionou estímulo à curiosidade e à investigação, instigando o trabalho coletivo e a criatividade. Portanto, o estágio me propôs um aprendizado de grande importância proporcionando-me conciliar a teoria com a prática acerca do funcionamento escolar, interação professor-aluno e da vivência de ser docente no ambiente da sala, além de perceber que ser professor é ser crítico, flexivo e principalmente pesquisador.


Texto completo: PDF