Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
ALTAS HABILIDADES/SUPERDOTAÇÃO: Mitos e Verdades
Anderson Pereira Bezerra, Paulo Roberto de Jesus Silva, Francisco da Silva Paiva, Adriana Beserra Silva

Última alteração: 2012-10-05

Resumo


A inserção de alunos portadores de altas habilidades/superdotação em escolas regulares de ensino ao dos anos teve um crescimento expressivo, porém em virtude de vários fatores entre os mais significativos que são: professores leigos na área da educação inclusiva, políticas públicas ineficientes, entre outras. Há um enorme potencial de intelecto se perdendo devido a conceitos mitificados no cotidiano escolar. O “diferente” às vezes causa certo receio, porém o professor não deve baseia-se somente naquele cotidiano escolar dito “normal”. Diante destas e outras questões neste trabalho objetiva-se refletir sobre mitos e verdades referente à área de altas habilidades/superdotação, contribuindo no complexo processo de formação de professores em áreas da educação inclusiva como uma ferramenta, quase que singular, pois através do conhecimento mesmo que prévio, o professor poderá se qualificar para identificar, e possivelmente de preencher as lacunas, que tantos alunos público-alvo da Educação Especial necessitam. Quanto ao ensino destes alunos é preciso acabar com mitos que de certa maneira repercutem em sala de aula e, que verdades quanto à educação dos estudantes com altas habilidades ou superdotados devem ser desmistificados, a fim de se ter realmente uma educação única e igual para todos.


Texto completo: PDF