Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
A esquistossomose sob o olhar do infectado: percepções, conhecimento e sintomatologia
José Jenivaldo Melo Irmão, Gomes Santana Melo, Hélio Lazarini, Verónica de Lourdes Sierpe Jeraldo

Última alteração: 2012-08-28

Resumo


Resumo: A esquistossomose mansônica é uma enfermidade parasitária de veiculação hídrica causada pelo Schistosoma mansoni e está presente em países em desenvolvimento com regiões tropicais que apresentam temperaturas elevadas. O objetivo geral desta pesquisa foi verificar a percepção, conhecimento e a sintomatologia da doença a partir do olhar dos infectados de uma área endêmica para a esquistossomose. O estudo é epidemiológico descritivo com coletas de dados primários obtidos por meio de formulários aplicados através de entrevistas aos sujeitos da pesquisa no período entre os anos 2009-2010. Para composição do estudo foram selecionados 200 indivíduos dos 596 infectados pelo S. mansoni identificados pelo programa de Controle da Esquistossomose (PCE) e Estratégia da Saúde da Família (ESF). Os resultados da pesquisa revelam que a infecção acomete ambos os sexos principalmente aqueles com vulnerabilidade social e apontam que mais da metade apresenta sinais e sintomas, mas com dificuldade de associá-lo a presença da infecção esquistossomótica. Quanto ao conhecimento do provável local de instalação do verme no seu organismo e da doença 52% não tem conhecimento suficiente. Tais condições devem ser levadas em consideração na aplicação de medidas de prevenção e promoção da saúde para diminuir a transmissão e possibilitar o controle da endemia.


Texto completo: PDF