Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
PROCESSAMENTO E AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DE TRÊS CULTIVARES DE BANANA (Musa ssp.) DESIDRATADAS OSMOTICAMENTE
Warlyton Silva Martins, Sabrina Tavares Rodrigues, Lucas Braga de Sousa, Cláudia Veloso, Kallyana Moraes Dominices

Última alteração: 2012-08-27

Resumo


No Brasil, a bananicultura está entre as atividades agrícolas de maior expressão econômica e de elevado alcance sociais. No Estado do Tocantins a bananicultura é um importante Arranjo Produtivo Local sendo, em sua maior parte, cultivada em pequenas propriedades, com grande importância para a fixação do homem ao campo e para a geração de emprego local. O objetivo deste estudo foi avaliar a qualidade e a conservação das bananas desidratadas osmoticamente a partir de três cultivares. Para isso os produtos elaborados foram submetidos a avaliação físico-química e microbiológica por um período de 90 dias. O delineamento experimental utilizado foi o DIC (delineamento inteiramente casualizado), arranjados em parcelas subsubdivididas, composto por três cultivares (‘Nanica’, ‘Prata’ e ‘Terra’), dois meios (com e sem desidratação osmótica) em quatro repetições. Os produtos desidratados obtidos a partir das cultivares analisadas mantiveram suas características físico-químicas com pouca variação durante os 90 dias de armazenamento em temperatura ambiente. A variação mais expressiva foi do pH que apresentou valores entre 5,85625 a 6,45938. A estabilidade microbiológica indicou que os produtos de banana desidratados por pré-tratamento osmótico seguido de secagem em estufa foram processados em condições higiênico-sanitárias adequadas.

Texto completo: PDF