Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
Sistema de Hemodiálise: variáveis importantes para o funcionamento e segurança do paciente.
Murilo Santos Ruas

Última alteração: 2012-10-17

Resumo


O método mais utilizado pelos médicos para tratar os pacientes com insuficiência renal crônica é a hemodiálise. Um tratamento longo, invasivo e, a depender do paciente, pode ocorrer mais de duas vezes por semana. A máquina de hemodiálise filtra o sangue num meio extracorpóreo substituindo em parte o funcionamento renal. Há na máquina um circuito do sangue e um circuito do dialisato operando de forma simultânea e complementar. Dentro do circuito do dialisato flui um líquido específico que proporciona a troca de substâncias com o sangue, tal fenômeno só é possível devido a uma série de variáveis que operam dentro de parâmetros pré-definidos para esse resultado. Caso as variáveis funcionem fora do padrão, tem-se um risco iminente ao paciente que está sujeito à diálise, podendo ir, eventualmente, a óbito. Este artigo foi desenvolvido a partir de pesquisas bibliográficas e pesquisas de campo.   


Texto completo: PDF