Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
Estudo de Capacidade de Carga Turística na RPPN Fonte da Bica, Areia Branca - SE
Diego Santos da Cruz

Última alteração: 2012-08-25

Resumo


As áreas protegidas são os principais espaços das atividades ecoturísticas, tais como observação e contemplação. A preocupação com a conservação de trilhas em matas e florestas nas unidades de conservação gerou busca por metodologias e técnicas de manejo da visitação. A Reserva Particular de Patrimônio Natural ou RPPN é categoria de unidade de conservação de uso sustentável, nascida da vontade do proprietário em conservar a área com relevância ambiental. O manejo de Unidade de Conservação em Sergipe implica estabelecer metodologias apropriadas para o monitoramento. Entre estas existem o Estudo de Capacidade de Carga. A metodologia adotada para esse estudo na Reserva Particular do Patrimônio Natural Fonte da Bica foi baseada em Cifuentes, (1992) para realizar cálculos de Capacidade de Carga Física, Real e Efetiva considerando os Fatores de Correção associados aos aspectos físicos, de interferência na fauna e flora, equipamentos e infraestrutura, gerenciais e fluxo de visitação.


Texto completo: PDF