Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
Elaboração e avaliação sensorial de bolo noni
Ana Patrícia Barreto de Lima, Fernanda Gondim Almeida, Jéssica Paula Cavalcante Souza, Maria Aurília de Lima, Marlene Nunes Damaceno, Ana Erbênia Pereira Mendes

Última alteração: 2012-09-17

Resumo


O noni (Morinda citrifolia L.) é uma planta originária da Ásia Tropical que tem sido extensivamente usada como planta medicinal e corante nos países asiáticos. A planta foi descoberta pelos ancestrais dos polinésios e tem sido largamente reportada por suas propriedades terapêuticas e nutricionais. Na busca de novas alternativas para o setor produtivo e a maximização do potencial dessa espécie exótica, elaborou-se um produto tendo como base a farinha de noni. Foram utilizados frutos de noni obtidos em uma fazenda localizada em Limoeiro do Norte, Ceará. Os frutos foram cortados e colocados para secagem em estufa a 70°C por 72 horas, triturados (para formação da farinha) seguido do armazenamento. O bolo foi obtido a partir de uma receita básica, onde 10% da farinha de trigo utilizada foram substituídas pela farinha de noni. Desse modo, o objetivo deste trabalho foi avaliar a aceitação do bolo a base de farinha de noni. Após a elaboração do produto, realizou-se o teste de aceitabilidade com 61 consumidores, utilizando o teste de Escala de Atitude de sete pontos, onde 7 representava a nota máxima “comeria sempre que tivesse oportunidade” e 1 representava a nota mínima “só comeria se fosse forçado(a)”. A média de aceitação do bolo de noni foi de 6,5 pontos, correspondendo à faixa compreendida entre as notas “comeria sempre que tivesse oportunidade” e “comeria frequentemente”. Concluiu-se, portanto, que o bolo de noni obteve uma boa aceitação pelos consumidores.


Texto completo: PDF