Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
AVALIAÇÃO DE VITAMINA C, ACIDEZ E pH EM POLPAS DE ACEROLA, CAJÁ E GOIABA DE UMA MARCA COMERCIALIZADA EM MACEIÓ - ALAGOAS
Jailma Letícia Marques Temóteo, Elenice Mendes Silva Gomes, Everton Vieira Lopes Silva, Angela Guadalupe Silva Correia, Jonas dos Santos Sousa

Última alteração: 2012-10-17

Resumo


As polpas de frutas são produtos obtidos através de frutas in natura, passados por processos tecnológicos adequados, sendo capazes de substituí-las em várias preparações, com vantagens de evitar o desperdício das mesmas e de estarem disponíveis no mercado em sabores diversos e em período de entressafra da fruta. As características organolépticas e físico-químicas das frutas que dão origem as polpas não deverão ser alteradas pelos procedimentos que envolve o seu processamento e comercialização. Este trabalho teve por objetivo avaliar o teor vitamina C, pH e acidez total, presentes em três sabores de polpas de fruta de uma marca  comercializadas, tanto no município de Maceió, como em todo o estado alagoano, verificando, assim, se estas encontram-se dentro dos padrões estabelecidos pela legislação vigente. Os parâmetros analisados foram  realizados segundo os métodos oficiais para análises físico-químicas em alimentos, nas polpas de acerola, cajá e goiaba, obtidas diretamente de fornecedor que abastece a rede de supermercados do município de Maceió – AL. Os valores médios encontrados nas polpas de acerola, cajá e goiaba respectivamente foram: 3,9; 3,2; 4,2 para pH; 1083,34;  17,27; 8,74 mg de ácido ascórbico, e acidez total em ácido cítrico 0,94; 0,99, 0,49 g. A polpa de acerola apresentou teor de vitamina C bastante elevado, assim como presente na fruta in natura, já as polpas de cajá e goiaba, pouca quantidade desta vitamina quando comparadas com a de acerola. Os resultados de pH e acidez em ácido cítrico foram muitos semelhantes entre as polpas, mesmo sendo estas de sabores diferentes, e próximos aos já encontrados  na literatura.Os resultados da pesquisa mostraram que os valores encontrados de pH e acidez total em ácido cítrico nos três sabores de polpas estão dentro do padrão de identidade e qualidade estabelecido pela legislação vigente.

 


Texto completo: PDF