Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
Estudo do Potencial da Casca do Coco Verde para Obtenção de Etanol Lignocelulósico.
Maria Cláudia Rodrigues Brandão, josivaldo Rodrigues Sátiro, Pedro Henrique Silva Barros, Juliana Andreza Figueirôa

Última alteração: 2012-10-20

Resumo


Devido o aumento na demanda por biocombustíveis, em especial o etanol, verifica-se a importância de estudo de novas matérias-primas que não promovam o desmatamento de novas áreas, nem comprometam a produção de alimentos. A preparação de etanol a partir de aproveitamento da biomassa lignocelulósica está despontando como alternativa viável para o aumento da produtividade do combustível. O presente trabalho tem como objetivo principal avaliar a potencialidade das fibras da casca de coco verde para a obtenção do etanol lignocelulósico. Para a preparação do etanol lignocelulósico, as fibras da casca do coco verde devem passar por etapas de tratamento (lavagem, trituração, hidrólise química, hidrólise enzimática) até que se obtenham açúcares fermentáveis que são facilmente convertidos em álcoois.


Texto completo: PDF