Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, VII CONNEPI - Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação

Tamanho da fonte: 
Análise de fatores de degradação ambiental no entorno do açude Jatobá II, localizado no município de Princesa Isabel, PB.
Dalva Damiana Estevam da Silva, Daiana Ferreira da Silva Alves, Jackson Epaminondas de Sousa, Maiara de Souza Melo, Joselito Eulâmpio da Nóbrega

Última alteração: 2012-11-29

Resumo


O Nordeste brasileiro está situado em área de clima semiárido, onde a escassez de água é intensa. Entretanto, nos locais onde existe água de boa qualidade, ela está sendo poluída. Durante muito tempo a população foi levada a acreditar que os recursos naturais seriam infinitos e que sempre estariam a sua disposição. Neste sentido, um cenário de degradação ambiental tem sido cada vez mais frequente nessa região, onde os mananciais d’água tornam-se lixeiras, os solos são poluídos, contaminados por agrotóxicos tornando-se uma ameaça à vida. Este artigo tem o objetivo de analisar as causas da degradação ambiental no Açude Jatobá II, no município de Princesa Isabel-PB, que abastece a cidade e algumas comunidades no entorno. Sendo a principal causa de poluição identificada, o crescimento populacional e a falta de sensibilização sobre os problemas ambientais por parte da população. Assim, se faz necessário inserir a educação ambiental nas atividades cotidianas da população, embora este seja um processo prolongado, permanente, criativo, dinâmico e interativo, a fim de despertar a população para as questões ambientais que ainda são difíceis de serem trabalhadas no âmbito social. Nessa pesquisa foi analisada a crescente urbanização, a prática da agropecuária e a industrialização no entorno do açude Jatobá II, através de visitas in loco, com vistas a diagnosticar a vulnerabilidade frente aos processos de impactos ambientais pela ação antrópica. 

 


Texto completo: PDF